Paredes…

Eu estava escutando uma das minhas fitas K7 cavernosas e de repente… “Neaaaar… faaarrr… wherever you areee… I believe that the heart does… go on…”. Minha nossa, Titanic, 1997, 194 minutos de sofrimento. Como eu chorei assistindo este filme. Lembro que fui na estréia, e mais uma 4x depois. Comprei o CD com a trilha sonora do filme e passava horas navegando em sonho por aquele navio. Leonardo DiCaprio! Como eu suspirei olhando a foto dele. Como eu era (era?) vazia. Lembro que meu quarto ficou cheio de pôsteres: o cartaz oficial do filme, mil caras do Leonardo DiCaprio espalhadas pela parede, pôster da Kate Winslet in love com o Leozinho (íntima não).

Sempre tive essa mania, fazer das paredes do meu quarto o reflexo da minha fase. Ela já foi decorada por tantas tranqueiras. Pôsteres, fotografias, pinturas, recortes, etc. Tudo começou com aqueles que vinham grátis nos LP’s tipo, Polegar, Xuxa, Angélica… aí a coisa foi piorando, teve uma fase que cobri todas as paredes do quarto com capas de revistas em quadrinhos… depois com instruções para montagens do Lego… pior foi quando resolvi encher as paredes com cortinas de clipes plásticos coloridos… hahahaha é muita falta do que fazer. Enfim, coisas de filha única (vida boa até os 16). Daí fui crescendo, na época dos Mamonas Assassinas, nossa, meu quarto era uma confusão de pôsteres, letras de música, e sacanagens em geral nas paredes. Depois, lembro que comprava a revista Showbizz, e fui querendo ser “a rockeira” ahuahuahuauh era pôster do Foo Fighter, Green Day, Korn, Prodigy, Matchbox 20, Oasis, Marily Manson, Nirvana, Hole… hahaha tudo a ver o som dessa galera ae né… ahahuauhahu bom aí a empolgação passou e eu comecei a venerar astros… putz… Capricho, Atrevida, Super Pop, Carícia… era cara de tudo que é macho lindo no meu quarto. Só gatão. Leonardo DiCaprio, Backstreet Boys, Hanson, Brad Pitt, Tom Cruise, Five, Rick Martin, Take That… Passou e vieram as fotografias, eu decidi que iria encher a parede com fotos dos meus amigos… minha nossa, acho que estraguei metade delas, poeira, cola, fita adesiva… é muito ser imbecil. Até que chegou a época do vestibular, e tudo do meu quarto saiu para entrarem milhões de papéis com fórmulas, dicas, macetes, palavras-chave, e meu quarto ficou uma confusão informacional. Depois que entrei na faculdade me achava gente grande (ahahuauhahu) e parei com essas lezeiras.

Hoje meu quarto ta sem nada pregado na parede, meu esforço é sobre-humano pra não voltar a pôr minhas bugigangas…se eu fosse pôr… Deixa ver o que eu colocaria… hum… Nessa minha fase… acho que um monte de anúncios e peças publicitárias que já foram premiados e tals… hehehe… é tudo que tenho feito e pensado hehehe pows continuo idiota… ahahah

Anúncios

Publicado em 24/03/2005, em Recordações. Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Estas suas fitas rendem altos posts, não é? Sempre algum assunto para ser colocado aqui. Fui. Bjs.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: